Saber não é saber fazer.

Saber não é saber fazer.
Avalie esse artigo

Saber mas não fazer

Sabe aquele momento que você percebe que você ou algum conhecido seu saber de tudo e até ajuda algumas pessoas com esse conhecimento, mas por outro lado, ele não faz? Estranho isso, né?

Digo isso por que é estranho receber ajuda de alguém para chegar num lugar, que a própria pessoa nunca chegou. Como ela/você pode ajudar então?

saber mas nao fazer
saber mas nao fazer

Vamos usar um exemplo fácil de entender:

Imagina você receber ajuda de um conhecido seu, que está todo ferrado de dinheiro, nunca consegue ficar no vermelho e se quer acumular riqueza, mas ele insiste em te ensinar a como ficar rico. Impossível ouvir uma pessoa assim, né?

Será que você tem sido esse tipo de pessoa que sabe muita coisa mas não faz? Ou será que você conhece alguém assim? Ou pior, está dando ouvidos para isso?

Seja coerente!

Muito cuidado! Dentro do meu mercado de desenvolvimento pessoal e profissional, assim como todos os outros, está cheio de pessoas que SABEM, mas não sabem fazer. Apenas pura informação na cabeça.

Errado seria eu acabar de ler um livro, ou apenas um pequeno trecho, e “ensinar” isso aqui e me intitular como “O Especialista”, “O Fodão”, “O Sábio”. Eu me sentiria uma farsa se eu fosse assim.

Eu me orgulho de tudo que eu ensino aqui no blog, no meu canal no youtube, instagram e atendimentos, serem frutos do que eu sei fazer e faço, do que eu falo e vivo, e vivo e falo.

Eu gravei um vídeo para meu canal falando sobre ensinar aquilo que você aprende para alguém. Só que, esse ensinar é para fixar melhor o seu aprendizado, e jamais para dar um direcionamento ou uma opinião para a outra pessoa de um desafio que ela esteja enfrentando.

E se você está se perguntando como mudar isso, de saber tudo, mas não saber fazer, basta você pegar essas informações que você tem na cabeça e colocá-las em jogo. Ver o que funciona, o que não funciona e definitivamente, após tentativa e erro, ver COMO você saber fazer, para depois ajudar alguém.

Seja coerente nas suas palavras, fale o que você sabe fazer, e não aquilo que você apenas sabe. As pessoas perceberão a verdade ou a mentira nas suas palavras, e com isso e irão ou não te respeitar e aceitar o seu conhecimento (não mais a sua informação) para a vida delas, e utilizá-las, é claro!

Vinicius Tadeu.