Como construir um mundo melhor? Seja a diferença que você quer ver no mundo.

Como construir um mundo melhor? Seja a diferença que você quer ver no mundo.
Avalie esse artigo

Seja a diferença que você quer ver no mundo.

Porque um mundo melhor é tão difícil, mas ao mesmo tempo tão fácil, de construir? Porque as pessoas deveriam colaborar? Como construir um mundo melhor? Seja VOCÊ a diferença que quer ver no mundo.

mundo destruído
mundo destruído

No final de Abril de 2016, participei do evento presencial ao vivo do curso Ultrapassando Limites – Elimine Seus Medos e Transforme Sua Vida em 4 Semanas, do meu mentor Rodrigo Cardoso, curso dele em Florianópolis: Ultrapassando Limites – Elimine Seus Medos e Transforme Sua Vida Em 4 Semanas e foi sensacional! Muito conteúdo de valor, muita gente emocionada e prontas para realizações incríveis.

E no segundo dia do evento, rolaram várias dinâmicas, e uma delas foi a do balão. Não entrarei em detalhes pra ser mais objetivo, mas o grande propósito da dinâmica, claro não será tão simples como vou falar a seguir, mas era imaginar um  balão subindo com uma faixa branca que havia uma frase que começava com “Seja…” e o restante, viria na minha cabeça e seria a minha frase para transmitir para os outros.

Surgiram diversas frases como:

  • Seja forte;
  • Seja persistente;
  • Seja corajoso;
  • Mas a primeira delas foi: “Seja a Diferença Que Você Quer Ver No Mundo”.

E o mais engraçado é que aquela frase é inconscientemente muito presente na minha realidade. Constantemente me esforço para servir de exemplo, e nunca ser parte do problema. É comum que isso as pessoas critiquem esse tipo de atitude.

Imagina se no trânsito, a maioria das pessoas, dessem passagem, permitissem outros manobrarem sem buzinar, respeitassem as leis de trânsito?
E no dia a dia, imaginasse um aumento relevante de “bom dia”, “boa tarde”, “boa noite”, “por favor”, “tudo bem?”, “obrigado”, todos de forma genuína, e não por obrigação? E quando você entrasse numa loja e fosse bem recepcionado de forma genuína com um sorriso, e a pessoa se esforçasse para resolver o seu problema porque ela sente prazer em fazer isso, e não por obrigação?

Imagina um mundo com pequenas mudanças como essas? Bom, né? :)

Pois é… Você pode fazer sua parte e servir de exemplo para o próximo. Além disso, você passa a ser lembrado por tal atitude porque no meio de tanta negatividade, pessoas nervosas, você chega e simplesmente mostra “a luz no fim do túnel” ou a diferença que o mundo precisa.

E porque será que as pessoas não colaboram?

É muito simples. Porque é natural do ser humano ter como prioridade os interesses próprios. Dale Carnegie já comentou sobre isso no livro: Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoa.

Ou seja, se ele está atrasado para uma reunião, ele precisa corrigir aquilo, não importa se alguém está indo para o hospital, academia ou coisas do tipo. O que importa em primeiro lugar é ele, nunca servir(ajudar) o próximo.

E quando as pessoas se importam mais com ela do que com as outras, já sabemos o que acontece, não é mesmo? “Eu quero, eu preciso, meu isso, meu aquilo, que se dane porque estou atrasado, etc…”

Coloque SERVIR(AJUDAR) o PRÓXIMO como prioridade, antes de seus próprios interesses porque assim você vai sentir grandes mudanças na sua vida e servirá de exemplo para construir um mundo melhor pra você e para outras pessoas, ao mesmo tempo, já estará construindo.

Vinícius Tadeu.

Receba minhas dicas exclusivas por e-mail e conteúdos extras!

Digite seu e-mail atual abaixo e clique no botão para ser adicionado ao meu grupo exclusivo por e-mail. É gratuito! :)